fbpx
20/11/2018 POSTADO EM: Contabilidade Notícias

Postado por:

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

7 − 6 =

    LECY RIBEIRO DA CRUZ

    De fato é muito importante este avanço. Mas o que chamamos a atenção aquí, é que para as empresas de outros municípios(o meu é Goiânia), a história se complica é a partir do Processo de Cadastro Municipal e do Alvará de Funcionamento. Momento em que após a vistoria inicial que demora um absurdo aquí, e que vai orientar quais (vamos chamar de sub alvarás) por exemplo o contribuinte vai precisar. Estes prazos estão falando de Juntas Comerciais e RFB(CNPJ) de fato está muito ágil, assim como uma inscrição estadual sem a vistoria. O nosso problema é junto aos municípios, este continua um problema sério, mas é claro, o contribuinte consegue chegar às notas fiscais(estado e município) e trabalhar legalmente, independente da romaria para regularização junto aos municípios.

    Responder