08/11/2019 POSTADO EM: Notícias Tributário e Fiscal

Postado por:

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

    LECY RIBEIRO DA CRUZ

    Acho a idéia de “tributar o pecado” excelente, até por que eu mesmo perdí um irmão pelo excesso dos dois pecados citados, mas tem dois outros pecados tão corrosivos para a sociedade quanto estes, que precisam também serem tributados. Tributar as Grandes Fortunas, e diminuir o imposto sobre, Energia, agua, telefone e combustível, que são ítens das necessidades básicas do cidadão e são tributados como se fossem supérfluos ou pecado.

    Responder

Receba nosso conteúdo diariamente no seu e-mail

Receba as Principais Notícias do Portal Contábil SC

Diretamente no seu E-mail todos os dias

Não se preocupe, seu e-mail não será enviado a terceiros e nem para spams