fbpx
07/05/2019 POSTADO EM: Notícias Tributário e Fiscal

Postado por:

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

cinco × 5 =

    Rudimar Back Defreyn

    Não deixa de ser uma excelente iniciativa pela promoção da concorrência leal, entretanto, antes de fiscalizar aqueles que já se encontram no cadastro de contribuintes, garantidos no radar da fiscalização, deveriam intervir primeiramente naqueles que estão exercendo atividade econômica ilegalmente, à margem da formalidade.

    Responder

      Lidomar

      Boa Rudimar,
      Com a comercialização de 23% dos tênis e 60% dos óculos solares, só pra dar o exemplo, a falsificação deveria entrar no radar da SEF.
      Basta andar pelo centro de Florianópolis e se deparar com lojas e até shoppings de falsificados.
      Só não enxergam porque não olham….

      Responder

        Anderson

        Talvez porque os óculos solares usados por nossos intrépidos fiscais façam parte do percentual que você mencionou. E aí já viu, isso ofusca a visão deles, impedindo-os de enxergar o que realmente importa. #sóacho

        Responder